DIREITOS AUTORAIS

Algumas imagens que aparecem no blog são retiradas de sites externos. Se você possui os direitos de alguma dela e não quer que apareça neste blog, favor entre em contato, que prontamente será retirada. (Brena Braz)

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

PERLA EM DOURADOS

A cantora Perla fará show baile neste final de semana em Dourados, a partir das 22h, no salão nobre do clube Indaiá. Perla, nome artístico de Ermelinda Pedroso Rodríguez D’Almeida, é considerada uma cantora paraguaia-brasileira. Nascida e criada no Paraguai, ela se mudou para o Brasil bem jovem em busca de oportunidades e desafios. Ao longo de sua carreira, vendeu mais de 15 milhões de álbuns, Ganhou 11 discos de ouro, dois de platina, um de platina duplo, entre outras premiações.

PERLA
Divulgação // Dani Coen

Oriunda de família de músicos paraguaios, a cantora fazia parte do grupo “Las Maravillas del Paraguay” com o pai e os irmãos. No início da década de 1970, devido a uma relação amorosa, deixou o grupo e foi para o Brasil, fixando-se depois na cidade paulista de Santos.

Chegando o Rio, na década de 1970, começou a se apresentar em casas noturnas, como “O Bigode do Meu Tio” em Vila Isabel. Seu repertório consiste basicamente em versões. Começou a fazer sucesso em meados da década de 1970, conquistando grande aceitação entre o público popular. Seu repertório é composto de tendências que vão das guarânias e boleros a versões de músicas pertencentes ao mundo pop, ficando conhecida como cantora romântica.

Gravou várias versões de músicas do conjunto sueco ABBA. Nessa fase, o seu maior sucesso foi a versão que ela fez para “Fernando”, em 1976, incluída no LP “Palavras de amor”. Em 1979, lançou um LP no qual as músicas apresentavam arranjos da disco-music, em voga na época, destacando-se uma versão para “Love’s in the Air”. Fez também versões para canções italianas e norte-americanas.

Ao longo das décadas de 1980 e 1990, manteve-se ativa, se apresentando em shows e programas, além de gravar alguns discos independentes financiados pelo seu fã-clube. Desse período, destaca-se o sucesso “Pequenina”, versão de Chiquitita. Perla lançou em 1999 o CD “Especialmente para você”. Em maio de 2002, lançou o disco “Perla canta ABBA e outros hits”, elaborado a partir de uma compilação de sucessos da cantora, feita pelo pesquisador Rodrigo Faour.

A festa de lançamento foi realizada na boate gay Le Boy, em Copacabana, no Rio de Janeiro. A escolha do local privilegia um dos segmentos do público da cantora, que a reconhece como linda diva.

SERVIÇO
QUANDO: sábado, 17/09/2016, a partir das 22h00;
ONDE: Salão Nobre do Clube Indaiá (R. Indaiá - Alto de Indaiá)
QUANTO: As mesas custam R$ 600 para os sócios do clube e R$ 720 para não sócios.
INFORMAÇÕES: (67) 9-9288-1667 e (67) 9-9820-2161
CLASSIFICAÇÃO: NÃO INFORMADA PELA ORGANIZAÇÃO

segunda-feira, 25 de julho de 2016

CHÁ COM DRAMA APRESENTA "AS TRÊS IRMÃS", DE ANTON TCHEKHOV NESTE SÁBADO EM DOURADOS

Para os apreciadores do teatro a UFGD abre a terceira apresentação do projeto de extensão Chá com Drama


DOURADOS-MS: Acadêmicos e professores de Artes Cênicas convidam para a leitura dramática do texto teatral As três irmãs, de Anton Tchekhov que será realizada neste final de semana a partir das 19 horas, no Espaço Cultural Casulo. A entrada é de graça.

Divulgação
Para a coordenadora do projeto, Ariane Guerra, o objetivo é estimular a leitura e o conhecimento de dramaturgos clássicos como Shakespeare, Moliere, Tchekhov, Nelson Rodrigues entre outros e, colocar o aluno de teatro em contato direto com o público.

O projeto Chá com Drama começou em dezembro de 2015 e em sua primeira edição foram feitas leituras abertas ao público nos meses de dezembro e fevereiro.
Divulgação

Nesta nova edição conta-se com 20 pessoas participando dos encontros para leitura do texto. Segundo Ariane, o projeto não visa lucro financeiro e para que ele seja mais bem estruturado é solicitada a frequência dos participantes e em contra partida é ofertado certificados no final da edição.

Ariane, afirma que é um encontro da arte, onde os participantes tomam chá e leem um bom texto “Eu coordeno o projeto e a professora Júnia Pereira e a vice-coordenadora e é um projeto sem ônus pra universidade”, disse ela.

SERVIÇO
QUANDO: 30 de julho de 2016
LOCAL: Espaço Cultural Casulo –Rua Reinaldo Bianchi, 398 – Parque Alvorada
ENTRADA: Gratuita
CLASSIFICAÇÃO: Livre
INFORMAÇÕES: (67) 9870-0269

segunda-feira, 18 de julho de 2016

3º FESTIVAL DOURADENSE DE MÚSICA COMEÇA NESTA SEXTA NO TEATRO MUNICIPAL

DOURADOS-MS: Com o objetivo de incentivar as atividades culturais sul-mato-grossenses, o 3º Festival Douradense de Música (FESDOM) começa nesta sexta-feira, 22. O evento promove o fortalecimento dos movimentos musicais existentes no Mato Grosso do Sul, e dá oportunidade aos músicos, educadores musicais e estudantes de música de todo o Estado para trocarem experiências e saberes. 


Haverá participação ativa do público em apresentações, ensaios e concertos didáticos. Nesta edição, o evento contará com várias oficinas, concertos e intervenções musicais realizados em espaços públicos e no Teatro Municipal de Dourados. Toda a programação do evento é gratuita e aberta à comunidade de Dourados e região.

OFICINAS
As inscrições estão abertas para as oficinas nas áreas de percussão sinfônica, cordas friccionadas, sopros madeira, sopros metais, além de regência e educação musical. Um dos principais destaques será a masterclass de piano com a professora Cinthia Ruivo. As inscrições podem ser feitas pelo site www.fesdom.com e vão até o dia 22 de julho.

SERVIÇO
QUANDO: 22 a 30 de julho no Teatro Municipal
REALIZAÇÃO: Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), por meio da sua Coordenadoria de Cultura da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura.
ENTRADA: Gratuita
CLASSIFICAÇÃ: Livre
INFORMAÇÕES: (67) 3410-2869 ou na Coordenadoria de Cultura da UFGD, Rua João Rosa Góes, 1761, Vila Progresso e pelo e-mail: fesdomusica@gmail.com